Comentários Recentes

    DEZEMBRO VERMELHO

    By Cassio Luz 2 anos agoNo Comments
    Home  /  Uncategorized  /  DEZEMBRO VERMELHO
    Dezembro Vermelho

    A partir deste ano(2017) o mês de dezembro passa a ser oficialmente o mês de prevenção, assistência e promoção dos direitos humanos às pessoas vivendo com HIV/Aids no Brasil. Isto porque foi aprovada pelo Senado em outubro e publicada em novembro no Diário Oficial da União a Lei 13.504 que institui a Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras infecções sexualmente transmissíveis (Dezembro Vermelho).

    Desde o início da epidemia, na década de 1980, a Aids já provocou a morte de mais de 35 milhões de pessoas em todo o mundo. Mas os esforços de combate à doença estão surtindo efeito. Segundo o relatório anual da Organização das Nações Unidas, no ano passado, cerca de um milhão de pessoas morreram por complicações relacionadas à Aids mas, apesar de o número ainda ser grande, ele representa uma conquista significativa, já que, há pouco mais de uma década, em 2005, esse número era de 1,9 milhão de pessoas. Segundo o relatório, o mundo tinha em 2016 36,7 milhões de pessoas infectadas pelo HIV, sendo que 19,5 milhões delas tinha acesso a tratamentos.

    No Brasil, atualmente, 64% das pessoas que vivem com HIV recebem o tratamento antirretroviral (TARV), esse número representa uma das maiores coberturas do tratamento entre os países de baixa e média renda. Mas ainda há muito trabalho a se fazer para que metas de tratamento 90-90-90, estabelecidas pelo UNAIDS sejam alcançadas. O objetivo é que, até 2020: 90% das pessoas vivendo com HIV estejam diagnosticadas; destas, que 90% estejam em tratamento; e que, das pessoas em tratamento, 90% apresentem carga viral indetectável.

    Para a Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids no Brasil serão realizadas, ao longo do mês de dezembro, atividades e mobilizações tais como iluminação de prédios públicos com luzes na cor vermelha; veiculação de campanhas de mídia; palestras e atividades educativas; e promoção de eventos. As ações serão realizadas em parcerias entre o poder público, sociedade civil e organismos internacionais, de acordo com as diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS) para enfretamento da Aids e outras ISTs.

    Category:
      
    this post was shared 0 times
     000
    About

     Cassio Luz

      (2 articles)

    Leave a Reply

    Your email address will not be published.